segunda-feira, 24 de novembro de 2008

SAMSUNG 10K CORPORE SP CLASSIC




Local: PQ IBIRAPUERA.
Data: 23/11/08 - Largada: 8:00 hs
Percurso: 10-Km - Altimetria: média
Ambiente: 23ºC Nublado
Peso: 75-kg:
Tênis: asics nimbo gel 10

Foto:

A galera !!!!

Equipe de apoio: minha esposa ( Margarida ) Eu e minha Personal, filha ( Débora)



Equipe Narezzi Imóveis / Vinac Consórcios: Gerson, Débora, e Margarida / Michel, Leiliane, Luis Carlos, Mineiro, Solange, Vanderleia e Venâncio.

Relato: Muita ansiedade!!! Participar de uma prova na capital deste porte é um privilégio para que está começando. Doze mil atletas inscritos, corredores de elite, como Frank Caldeira e quenianos, pura adrenalina!.
Me preparei uma semana antes com três treinos de 10km, encerando na sexta-feira com uma leve dor na panturrilha, fiquei preocupado pensando que tinha forçado demais nos treinos. No sábado deu um friozinho na barriga, não dormi bem e tivemos que levantar muito cedo, as 4:30h para sairmos em direção a SP com a galera da Vinac. Ainda escuro chegamos em SP, aproximadamente as 7:00h, juro que fiquei assustado com o tamanho do evento, gente para todo o lado, foi o tempo certo de trocarmos de roupa, aquecer um pouco e irmos para posição de largada, determinada pela organização através de pulseiras de diversas cores, não sei qual o critério usado, mas fiquei bem atrás.
Posicionado, meu pensamento se fixava em baixar o tempo, eu mau sabia o que me esperava pela frente. Hora da largada, até passar pelo pórtico demorei 5 minutos, comecei a ficar preocupado pela quantidade de atletas, não conseguia correr, todo cuidado era pouco, comecei a desviar pela calçada, pela grama, encontrei o mineiro e fui atrás dele mas, só consegui desenvolver o meu rítimo depois do km 3, já havia perdido o mineiro de vista, mesmo assim, comecei ultrapassar com muita dificuldade, muitos atletas correndo juntos lado a lado, isso dificultou.

Largada congestionada, tempo nublado, largamos mais atrás.

01km – Larguei junto com o Michel no rítimo de trote, não conseguia correr, quando passei pela placa do 1km marcava no meu relógio 6:15min era um empurrando o outro.
02km – Não vi outra alternativa a não ser correr pela calçada, só assim consegui correr um pouquinho, quando passei com 11:50min fiquei preocupado, aquela idéia de baixar o tempo já era !.
03 km- O percurso começou a melhorar, já não avistava mais ninguém, Mineiro, Michel... resolvi ir para o sacrifício, tirar o atraso, mas com receio o relógio de pulso acusava 17:00min.
04 km – Já avistava o percurso de longe, aquela reta da Rubem Berta, me preocupei com a subida mas precisava forçar, busquei força não sei da onde!... passei com 22:10min
05 km – Uma decida e em seguida uma subida forte, cruzei com 25:00min maravilha! mas a subia era forte demais, o único alívio é que tudo q sobe desce, rsrs!.
06 km – Fim da subida forte e retorno, a língua parecia um tapete, rsr! era só descer, soltei o corpo e fui tentar recuperar o tempo perdido da subida, passei com 31:00min.
07 km – Hora difícil estava esgotado mas com pensamento de chegar inteiro, pelas contas não conseguiria fazer o mesmo tempo da corrida Flex Pé (Mogi), mas naquele momento o importante era completar a prova..
08 km – Passei pelo posto de hidratação, havia uma bateria de escola de samba para animar a galera, havia também staff incentivando a galera, pois muitos caminhavam, passei com 40:16min.
09 km – Me sentindo realizado mas com muuuita dor na musculatura, entrei no corredor onde haviam muitas pessoas assistindo e aplaudindo, me senti importante e renovado, passei com 46:45min .
10 km – Começou a aumentar a quantidade de pessoas, ansioso para ver se conseguia ver alguém da equipe, mas quanto mais me aproximava da chegada mais pessoas eu encontrava. Entrei na reta final, aquela multidão, só pensei em dar um sprint mas não tinha condições pois afunilou muito, mas em fim consegui ! depois de tudo.. um tempo excelente pelo percurso forte com 52:17min, sensacional!!!!!!!!!.

Coclusão: Prova maravilhosa, somou muito no meu currículo de tempo, posso considerar record pela dificuldade da prova.
Agora que venha a Cooper!! em casa, essa vou nos 5km acompanhar minha filha Débora e meu irmão, Wagner que vai iniciar nesta maratona maravilhosa que é a corrida de rua. Dia 07/12/2008. com toda a torcida da Narezzi Imoveis devidamente uniformizada muito chickkkkkk !!!!!!!



Resultados= Tempo Liquido: 52:17 - Pace: 05:13 min/km
Resultado anterior = Tempo liquido: 51:27 – Pace : 5:08- Flex Pé. 10 km.
Avaliação: Organização excelente, estacionamento a vontade, percurso forte, hidratação a vontade, por fim Kit pós prova excelente, premiação troféu bonito, camiseta boa e medalha bonita, todos os patrocinadores com tenda muitos brindes várias macas de massagem que foi excelente após a prova.

Nota final: 5,0
1 - péssimo, 2 - ruim, 3 -bom, 4 - ótimo, 5 - excelente

3 comentários:

Fábio Namiuti disse...

Parabéns por mais esta participação e pelo excelente resultado, Gerson. Você fez uma ótima corrida de recuperação, depois do início tumultuado, comum nas provas paulistanas.

Não conheço esta corrida, mas pelo depoimento de outros amigos que participaram, o grau de dificuldade é considerável, a subida da Rubem Berta não é brincadeira não. E você mandou muito bem !

Não vai correr em Tremembé no dia 30, próximo domingo ? Tem uma prova de 8 Km lá que deve ser muito boa pra fazer tempo, percurso praticamente plano. Corrida pequena mas, segundo amigos, bastante agradável. Fica aí o convite.

Um abraço e boa semana.

Fábio Namiuti

Fabio Matheus disse...

Oi Gerson,

Sou o Fabio Matheus, trabalho com seu filho, Bruno.

Obrigado pela camiseta, o Bruno me entregou. Estarei na corrida da Coop utilizando-a.

Parabens pelos tempos que tem feito e pelo empenho nos treinos !

Estarei nesta corrida de Tremembé, citado pelo amigo Namiuti. Se puder vir, seria muito bom.

Abraço,
Fabio Matheus

BMW disse...

Fala meu amigo Gerson !!!
Rapaz parabéns pela tempo. Cada vez melhor hen... Da Coop 5km então, correndo em casa, com o apoio total da marca Narezzi, vai voar baixo hen rsrsrsrs.
Obrigado pelo apoio.
Grande abraço, t+
Michel